terça-feira, 9 de junho de 2020

Governo admite estender parcelas do auxílio emergencial por mais meses, confira aqui! |EmpregabilidadeBrasil..com



Governo admite estender parcelas do auxílio emergencial por mais meses, confira aqui! |EmpregabilidadeBrasil..com
Foto / reprodução


Se for necessário, o governo pode expandir o auxílio emergencial de R$ 600, segundo Hamilton Mourão, vice-presidente da República. Inicialmente, no entanto, o benefício foi previsto para três meses.


Governo admite estender parcelas do auxílio emergencial por mais meses
“Caso necessário, vamos ver, poderá ser mantida essa medida de auxílio a pessoas que estão desempregadas por mais um tempo”, disse Mourão em videoconferência realizada pela Arko Advice.


Anteriormente, no entanto, o presidente Jair Bolsonaro havia informado que não estava prevista a ampliação do pagamento destinado aos informais. “São três parcelas de R$ 600. Não está prevista ampliação, até porque cada parcela está na casa um pouco acima de R$ 30 bilhões”, disse o presidente.

Questionado sobre se pretende estender o auxílio para outras categorias, o presidente afirmou que poderá estudar a medida se for convencido e o governo tiver recursos.





Caixa já pagou a 50 milhões de pessoas
Segundo informações da Caixa Econômica Federal, já foram feitos, desde o dia 9 de abril, quando se iniciou os pagamentos do auxílio emergencial, a 50 milhões de brasileiros, o que resulta em um total de R$ 35,5 bilhões no total.

Quem pode receber o auxílio emergencial

Regras:

maior de 18 anos;

não ter emprego formal;
não ser titular de benefício previdenciário ou assistencial, beneficiário do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o bolsa-família;
a renda mensal per capita seja de até meio salário mínimos ou a renda familiar mensal total seja de até três salários mínimos.

Fonte: Seu Credito Digital